Todos nós temos objetivos, tanto no campo pessoal quanto no profissional, mas para que esses objetivos se tornem concretos precisamos de metas! 

Hoje vou falar sobre uma ferramenta que irá ajudá-lo a conseguir criar um planejamento baseado em estimativas reais, essa ferramenta se chama SMART e com ela, você será capaz de criar metas inteligentes, especificas, mensuráveis e alcançáveis. Então vamos tirar suas metas do papel e colocar em prática utilizando a ferramenta smart 

A palavra smart vem do inglês e significa inteligente, cada letra significa uma etapa no processo de criação da meta   

S –  Specifc (Especifico)  

M – Mensurable (Mensurável)  

A –  Achievable (Alcançável)  

R –  Relevant (Relevante)  

T – Time (Tempo)  

Específico  

A meta precisa ser bem especificada, não pode abrir margem para interpretações erradas, ela deve representar exatamente o que está buscando.  

Mensurável  

É o que tem que ser feito em termos quantitativos:  

Quanto mede?  

Quanto custa?   

Quanto pesa?      

Tudo que pode ser medido pode ser alcançável, esse item é responsável em nos ajudar no acompanhamento de nossa evolução com base em dados numéricos.  

Alcançável  

Atingir resultado é o que todos queremos, mas precisamos criar metas que condizem com nossa realidade.    

Relevante  

As metas precisam ser relevantes, precisam impactar positivamente, seja no profissional ou na vida pessoal.  

Tempo  

Quando?  

Definir data é importante, afinal é isso que queremos não é mesmo? sem uma data definida, certamente a meta ficará para um segundo plano, procrastinação em ação e ficaremos presos a encontrar um momento certo, mas a verdade é que não existe um momento certo para começar.  

Exemplo  

Definindo o objetivo: Comprar uma casa  

Após definido o objetivo, o próximo passo é aplicar a ferramenta smart, seguindo com o primeiro item “Especifico” precisamos detalhar melhor como vai ser essa casa, algumas das perguntas que poderiam ser feitas aqui são, a casa vai ter quantos quartos, quantos banheiros?, vai ter sala de estar?, vai ter garagem? Com quantas vagas? vai ter alguma área de lazer ou sala de jogos? a casa vai estar localizada em um determinado bairro de determinada cidade?, qual a cor dessa casa?, a ideia aqui é detalhar o máximo possível.  

No segundo passo, para o item “Mensurável”, para este objetivo estamos falando de valor financeiro, então quanto dinheiro precisamos ter para comprar este imóvel?   

Partindo para o terceiro item, “Alcançável”, depois de especificar e mensurar o valor que vamos precisar ter para comprar o imóvel, precisamos avaliar se está no nosso alcance e para isso podemos olhar para nossa situação atual e perguntar, temos condições de comprar este imóvel? E se não tiver todo o dinheiro disponível, temos por exemplo 80%? e os outros 20%? vamos precisar fazer um empréstimo bancário, mas e depois? Será que vamos conseguir cobrir esse empréstimo? essas são algumas situações que nós poderíamos nos questionar em relação ao item alcançável.  

Para o próximo item “Relevante”, precisamos encontrar algo que nos de força para lutar pelo nosso objetivo, o nosso combustível, é daqui que vamos encontrar a motivação para continuar, podemos pensar o seguinte:  

Oque nos motiva comprar este imóvel? seria para ter uma vida melhor, ou dar uma vida melhor para nossa família? Ou talvez realizar um sonho de ter uma casa própria e sair do aluguel?   

 Para o último e não menos importante item da meta smart, temos que definir uma data, dia mês e hora para o acontecimento, que dia vamos estar com as chaves em mãos para entrar nesta nova casa?  

Muitas vezes metas podem ser simplesmente uma mudança de hábito, uma atividade física até uma meta organizacional, é importante criar um planejamento, definir uma data para conclusão e utilizar métricas para acompanhamento, isso é a meta smart, por hoje é isso, espero que tenham gostado, até mais!